Beneficiará 7.746 estudantes no país

30 Outubro 2017

ProFuturo inaugura o ano escolar nas escolas de Antsiranana

As 13 escolas da Diocese de Antsiranana são o ponto de partida para o lançamento do projeto em Madagascar.

Facebook twitter

No último 20 de outubro, ProFuturo foi protagonista em 13 escolas de Antsiranana, na costa nordeste do país madagascarense. Por meio de um ato inaugural, presidido pelo Arcebispo de Antsiranana, Mgr. Ramarason, no qual estiveram presentes o Presidente da República Hery Rajaonarimampianina, sua esposa, a primeira-dama Voahangy Rajaonarimampianina, foi celebrada a abertura oficial do ano escolar 2017-2018 em 13 escolas católicas, onde ProFuturo estará presente.

A iniciativa surge de um acordo de colaboração entre a Fundación ProFuturo e a Arquidiocese de Antsiranana. Para a execução do projeto, ProFuturo distribuirá nos próximos dias o equipamento em cada uma das escolas: 26 maletas, cada uma contendo 48 tablets, um computador, conexão wifi, um router e um projetor. A distribuição será realizada tanto nas escolas das áreas com eletricidade como nas áreas isoladas que estarão equipadas também com painéis solares.

“As ações do Governo estão orientadas para melhorar as vidas da população, especialmente das crianças. A educação é um dos principais projetos do Governo porque ajuda a capacitar recursos humanos de qualidade a longo prazo”, afirmou o presidente da República.

O Chefe de Estado agradeceu calorosamente à Igreja Católica pela sua contribuição para o melhoramento da educação das crianças de Madagascar. Também mencionou seu encontro com o Papa Francisco recentemente na Itália, e compartilhou mensagens de amor, tolerância e altruísmo para a luta contra a fome, no Dia Mundial da Alimentação. O presidente convidou a geração mais jovem para assumir a responsabilidade pelo desenvolvimento do país, questões como a prevenção de doenças, bem como a proteção do meio ambiente, a luta contra a corrupção e a insegurança.

Com esta iniciativa, prevê-se que ProFuturo beneficiará 7.746 estudantes, mais de 3.600 deles em 2018. Este será o ponto de partida para a implantação do projeto em escolas de outras regiões de Madagascar.

 

Primeira Dama Voahangy Rajaonarimampianina, madrinha do Projeto ProFuturo em Madagascar

Sobre Madagascar

Madagascar é o maior país insular da África e o quarto maior do mundo. Com uma população de mais de 24 milhões de habitantes, Madagascar situa-se na posição 158 entre 188 do ranking do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de acordo com o Relatório de Desenvolvimento Humano elaborado pelo programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (UNDP). Quanto ao setor educacional, apesar de ter havido um aumento na matrícula nos últimos dez anos, somente 42% dos estudantes permanecem até o último ano do Ensino Fundamental, conforme dados proporcionados pelo Banco Mundial (dados 2014).