21 Novembro 2018

ProFuturo assina acordo com a OEA para expandir seu programa para cinco países do Caribe

A diretora geral da Fundação ProFuturo, Sofía Fernández de Mesa, e o Secretário Executivo da CITEL, Oscar León, assinaram um acordo de colaboração que irá proporcionar aos meninos e meninas das Bahamas, Barbados, Belize, Guiana e da Jamaica acesso a um ensino digital de qualidade. O ProFuturo oferecerá uma proposta de ensino adaptada e complementar àquela oferecida pelos Ministérios dos países mencionados do Caribe, enfatizando a utilização da tecnologia como ferramenta de aprimoramento da qualidade educativa.

Facebook twitter

A diretora geral da Fundação ProFuturo, Sofía Fernández de Mesa, e o Secretário Executivo da Comissão Interamericana de Telecomunicações (CITEL) da Organização dos Estados Americanos (OEA), Oscar León, assinaram um acordo de colaboração na sede do órgão internacional em Washington DC para a implementação do programa de inovação educativa promovido pelo ProFuturo em cinco países do Caribe: Bahamas, Barbados, Belize, Guiana e Jamaica, e que terá início ainda este ano.

De acordo com o compromisso assinado por ambas as instituições, o ProFuturo apresentará sua proposta inovadora de ensino e acompanhamento ao contexto educacional oferecido pelos Ministérios de Educação desses países caribenhos, posicionando a utilização da tecnologia como uma ferramenta de aprimoramento da qualidade da educação.

A Secretaria Geral da OEA, por sua parte, dará suporte e possibilitará o contato com os Estados membros do Caribe e o acompanhamento em nível local para a implementação do programa nesses países, bem como a definição de um plano de sustentabilidade do programa na região.

Os Ministérios de Educação desses países caribenhos assumirão, por sua vez, a responsabilidade da implantação do programa em seus Estados respectivos, disponibilizando a equipe de pessoas necessária para a sua implementação. Além disso, fará o acompanhamento dos professores e identificará as principais linhas de atuação para elaborar um plano de sustentabilidade do programa.

O acordo cumpre com o objetivo estabelecido pela Fundação ProFuturo que prevê levar, este ano de 2018, uma educação de qualidade para meninos e meninas em cenários vulneráveis e dos setores menos favorecidos em 33 países da África, Ásia e América Latina.

No mês de fevereiro de 2017, a OEA e o ProFuturo firmaram um acordo marco para promover a educação digital na América Latina e no Caribe, que foi assinado pelo presidente da Fundação ProFuturo, César Alierta, e pelo Secretário Geral da OEA, Luis Almagro, no escopo da Aliança TIC 2030 América. A assinatura de hoje faz parte desse objetivo em comum de contribuir para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 2030 e, mais especificamente, com o ODS 4 relativo ao acesso a um ensino de qualidade, equitativo e inclusivo para todos.